Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Maio 1, 2016

HOMENAGEM

TRIBUTO À DOM TOMÁS BALDUÍNO          Neste 02 de maio de 2016 fez dois anos que o grande profeta Dom Tomás Balduíno nos deixou. No velório na cidade de Goiás-GO estavam presentes seus amigos e companheiros representantes das entidades camponesas, trabalhadores (as) rurais e urbanos e lideranças dos povos Apinajé, Krahô, Xerente, Carajá Xambioá do Estado de Tocantins e Tapuia de Goiás, que representaram os demais povos indígenas brasileiros; pelos quais lutou intensamente e dedicou a maior parte de sua existência terrena.         Em seu tempo Dom Tomás Balduíno foi um ser humano sábio justo e sensato que fez opção pelos povos mais necessitados e oprimidos do país. Mas Dom Tomás também foi um cidadão brasileiro de atitude que cumpriu politicamente seu ministério, que não se omitiu e nem se calou diante da injustiça e da violência. Na década de 70 em plena ditadura militar junto com outros religiosos ajudou fundar a CPT e o CIMI, pastorais sociais que atuam até hoje junto aos camponeses …
Notícias » No Brasil Em 30 dias, violência contra indígenas mais do que dobra em relação ao mesmo período de 2015Inserido por: Administrador em 28/04/2016.
Fonte da notícia:Por Renato Santana, Assessoria de Comunicação – Cimi (1) Compartilhar Enquanto a agenda política dos Três Poderes da República segue voltada para o impeachment da presidente Dilma Rousseff, a todo custo, a guerra de baixa intensidade travada contra os povos indígenas faz cada vez mais vítimas. Nos últimos 30 dias, foram cinco assassinatos, cinco prisões, dois atentados e ao menos quatro ataques de pistoleiros a terras indígenas do Mato Grosso do Sul, além de despejos e tentativas de reintegrações de posse pela Polícia Federal no estado e na Bahia. Os dados demonstram uma escalada da violência e criminalização contra lideranças indígenas. Conforme dados prévios do Relatório de Violências Contra os Povos Indígenas 2015 (2), a ser publicado nos próximos meses pelo Conselho Indigenista Missionário (Cimi), entre 28 de março…

MEIO AMBIENTE

POVO APINAJÉ PROPÕE CRIAÇÃO DE FÓRUM PARA  ACOMPANHAR, DEBATER E FISCALIZAR APLICAÇÃO DOS RECURSOS DO ICMS-ECOLÓGICO NAS ALDEIAS LOCALIZADAS NOS MUNICÍPIOS DE TOCANTINÓPOLIS, MAURILÂNDIA, SÃO BENTO DO TOCANTINS E CACHOEIRINHA          Neste final de semana nos dias 29 e 30 de abril e 01 de maio de 2016, os caciques e lideranças Apinajé, incluindo anciões e anciãs, estudantes universitários, e comunidade em geral, estiveram reunidos na aldeia Prata, sede da Associação Indígena Pyka Mex, participando da 1ª Oficina de Capacitação sobre ICMS Ecológico e efetivação dessa política pública na T.I. Apinaje. Ao menos 50 lideranças de 15 aldeias desta etnia participaram do Curso.           Durante a oficina foram debatidos e esclarecidos os seguintes eixos temáticos: 1) conceito e princípios legais do ICMS Ecológico no Brasil e no Tocantins; 2) critérios e índices para cálculo dos repasses referente ao ICMS Ecológico no Tocantins, considerando a legislação pertinente; 3)  impacto financeiro do …